Acordo da Transpetro: caiu a máscara

A empresa propôs a criação de um novo adicional, o Adicional de Duto, em substituição ao Adicional de Gasoduto, no mesmo percentual e ampliando para outros cargos, exceto TST-Técnico de Segurança de Trabalho.
Ocorre que, o Adicional de Gasoduto tinha como finalidade flexibilizar o Horário de Repouso e Alimentação sendo restrito aos Técnicos de Manutenção. Com a criação do Adicional de Duto, a empresa queria além da flexibilização do Horário Repouso e Alimentação, obrigar os trabalhadores a serem motorista e implantar a multifunção, ou seja, o trabalhador teria que resolver qualquer problema dentro da instalação.
Sendo assim, a FUP e seus Sindicatos filiados solicitaram a exclusão da criação deste novo adicional e manter o que já era praticado. Será formado um Grupo de Trabalho para analisar a criação de um novo adicional.
Pelo menos agora está claro, que ninguém é obrigado a dirigir e que a empresa quer comprar os trabalhadores para serem motorista e faz-tudo. Diante disto, a direção do Sindipetro Caxias vai organizar a luta para que os petroleiros que ainda dirigem parem e aqueles que não recebem Adicional de Sobreaviso Parcial desliguem seus telefones corporativos quando não estiverem em horário de trabalho e nas folgas. Só a luta dará força para a proposta avançar.

Rate this item
(0 votes)
Sindipetro Caxias

Desenvolvedor Web do Sindicato dos Petroleiros de Duque de Caxias

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

Sindicato dos Trabalhadores na
Indústria e Destilação de
Petróleo de Duque de Caxias
Inaugurado em 26/03/1962

Itens Populares