Sindicato conquista que risco ao benzeno conste no ASO e PPP

A direção do Sindipetro Caxias junto da assessoria jurídica conquistou, na última semana, a ação que garante que o risco ambiental Benzeno conste no ASO e PPP para empregados próprios e terceirizados, em regime de turno e administrativo.
A REDUC já está começando a cumprir esta medida que facilita a aposentadoria especial. A obrigatoriedade do risco ambiental Benzeno do ASO e PPP também fará que a Petrobrás e as empresas terceirizadas paguem a GFIP - Guia de Recolhimento do FGTS e de Informações à Previdência Social.
A ação deu-se devido as denúncias sobre a omissão riscos ambientais do ASO e do PPP emitidos pelos médicos do trabalho da refinaria. Sem o risco Benzeno, a situação na refinaria era absurda, pois os médicos criaram um padrão comum para todos: “ausência de riscos ambientais específicos”.
Outra mentira deslavada era que o programa que emitia o ASO não conseguia ler os riscos ambientais. Tudo mentira para prejudicar a saúde e segurança dos trabalhadores.
Após varias denúncias, o Sindipetro Caxias conseguiu apoio do MPT – Ministério Público do Trabalho para averiguar a situação. Então, após o inquérito foi feita uma ACPU - Ação civil pública que culminou com a condenação e reparação do ASO e PPP dos trabalhadores expostos ao Benzeno. Uma ação semelhante está em curso em face da Transpetro.
O Sindicato lutou, luta e lutará por todos os trabalhadores, que precisarão apoiar as ações sindicais mais do que nunca nos anos que virão.

Leia a Sentença do Ministério Público do Trabalho aqui

Rate this item
(0 votes)
Sindipetro Caxias

Desenvolvedor Web do Sindicato dos Petroleiros de Duque de Caxias

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

Sindicato dos Trabalhadores na
Indústria e Destilação de
Petróleo de Duque de Caxias
Inaugurado em 26/03/1962